Notícia na Tela

Jornalista baiano Antônio Jorge Moura morre aos 65 anos

Por Notícia na Tela
5 de outubro de 2017 07:00 Comentários
O jornalista Antônio Jorge Moura, 65 anos, morreu na manhã desta quarta-feira (4), vítima de um infarto. Ele foi encontrado já sem vida, em casa, por familiares. A informação foi confirmada por Solange Moura, irmã do comunicador. Moura estudou Jornalismo na Universidade Federal da Bahia (Ufba) e começou a trabalhar na área em 1973.
Ele trabalhou como editor de Política no jornal CORREIO e foi um dos primeiros jornalistas a atuar nas áreas de assessoria de imprensa e campanhas políticas na Bahia. Foi assessor do economista baiano Rômulo Almeida e chegou a escrever a biografia dele, que foi publicada pela Coleção Gente da Bahia, da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA). O profissional ainda foi assessor do prefeito ACM Neto, durante os mandatos como deputado federal.
O jornalista baiano também trabalhou nas campanhas dos políticos Roberto Santos e Waldir Pires e na assessoria da Secretaria da Educação do Estado. Ao longo da carreira, passou pela sucursal do Jornal do Brasil e do Globo, em Salvador, e pela Tribuna da Bahia.
Atualmente, Jorge era diretor da Associação Bahiana de Imprensa (ABI). Em nota, a instituição lamentou a perda. “Tão tristes quanto surpresos, recebemos esta lamentável informação sobre o falecimento do jornalista Antônio Jorge Moura. Sempre o admiramos pela conduta ilibada no desempenho das atividades de comunicação, e notória era a sua dedicação aos assuntos da ABI, o que nos levou a nomeá-lo diretor da Casa de Ruy Barbosa recentemente, missão para a qual ele vinha se dedicando com muito afinco. O seu passamento, certamente, causa pesar aos que integram a imprensa baiana e fará falta nos trabalhos que se realizam na ABI. Aos familiares, manifestamos nossas condolências”, diz o comunicado.
Familiares informaram que o sepultamento está marcado para as 16h desta quinta-feira (5), no cemitério Jardim da Saudade, em Brotas.