Notícia na Tela

Na Papuda, remédios que ‘alteram comportamento’ são encontrados com Geddel

Por Notícia na Tela
28 de abril de 2018 18:21 Comentários
O ex-ministro Geddel Vieira Lima (MDB) é alvo de investigação que apura como ele obteve medicamentos como antidepressivos, sem prescrição médica, sem autorização da direção do Complexo Penitenciário da Papuda, em Brasília, onde ele está preso desde setembro de 2017.
O caso é apurado pela Justiça do Distrito Federal que segue os relatos da equipe médica do presídio e deseja descobrir como e quem fez o material chegar à mãos do político.
Segundo um psiquiatra e duas assistentes sociais que atuam no local, o ex-auxiliar de Dilma Rousseff (PT) e Michel Temer (MDB), “estaria se comportando de maneira estranha em razão de estar sob efeito de alguns remédios”.
Em meio a suspeita, uma inspeção de surpresa encontrou na cela do baiano inúmeros de comprimidos para tratamento de insônia e antidepressivos, dentro outros remédios que podem causar repercussões graves, segundo os médicos da unidade.

Bahia.ba