Notícia na Tela

Chefe do PCC é fuzilado com 70 tiros dentro de carro blindado

Por Notícia na Tela
25 de julho de 2018 10:27 Comentários
Suspeito de ser um dos líderes da maior facção criminosa do país, o PCC (Primeiro Comando da Capital), Cláudio Roberto Ferreira, conhecido como Galo, foi executado na noite desta segunda-feira (23/07) com pelo menos 70 tiros. O crime aconteceu por volta das 23h, na região do Tatuapé, zona leste de São Paulo. A vítima estava dentro de um carro blindado quando outro veículo se aproximou e quatro bandidos efetuaram os disparos.
De acordo com a Polícia Militar, ele foi socorrido para o Pronto Socorro Municipal Tatuapé, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. A ocorrência foi registrada no 31º DP (Vila Carrão). Mesmo com a blindagem, o carro da vítima não conseguiu impedir que o motorista fosse atingido pelos disparos.
Cláudio foi condenado por roubo a banco em Guarulhos, na Grande São Paulo, que terminou com três mortos, em 2008. Um dos mortos era chefe do PCC. Galo também foi preso durante uma partida entre Corinthians e Santos pela Copa do Brasil, na Vila Belmiro, em Santos (litoral de São Paulo). O suspeito deixou a prisão após uma decisão polêmica do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski. No entanto, o habeas corpus foi revogado, mas ele não se apresentou à Justiça. O crime será investigado pelo DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa).

NOTÍCIA NA TELA www.noticianatela.com.br me>