Notícia na Tela

Delegado cotado para comandar PF volta se reunir com ministro de Bolsonaro no Planalto

Por Notícia na Tela
13 de setembro de 2019 19:05 Comentários
O secretário de Segurança Pública do Distrito Federal, Anderson Torres, cotado para assumir o comando da Polícia Federal, caso se confirme a demissão do atual chefe da instituição Maurício Valeixo, se reuniu nesta segunda-feira com o secretário-geral da Presidência, Jorge Oliveira. Torres estava à frente de um grupo de delegados da Polícia Civil no encontro com o ministro, no Palácio do Planalto.


No sábado, Torres acompanhou o desfile do Sete de Setembro, no palanque de autoridades, próximo ao presidente Jair Bolsonaro. As imagens foram registradas por policiais e correram grupos de Whatsapp de delegados em meios a discussões sobre a ameaça de Bolsonaro de trocar o comando da PF à revelia do ministro da Justiça, Sergio Moro. Depois das declarações de Bolsonaro, delegados dão como certa a saída de Valeixo.

Segundo interlocutores de Oliveira, não houve "convite oficial" a Torres. O assunto só deve ser tratado depois do retorno de Bolsonaro ao trabalho. O presidente foi submetido no domingo a uma nova cirurgia e só deve receber alta nos próximos dias.

Próximo ao senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) e Oliveira, Torres desponta como o favorito chefiar a instituição. Em entrevista ao GLOBO no último dia 30, Oliveira confirmou que o nome de Torres foi indicado para substituir Valeixo e elogiou o delegado. Os dois são amigos deste os tempos em que trabalhavam na Câmara.

Torres foi chefe de gabinete do então deputado federal Delegado Franschini (PSL-PR). Oliveira ocupava o mesmo posto no gabinete do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP).

- (Torres) é uma pessoa que, se fosse diretor-geral, seria muito bom. Pela postura, pela capacidade. Sei que é uma pessoa extremamente séria, íntegra, está fazendo um excelente trabalho no governo do Distrito Federal — disse Oliveira.
O Globo
NOTÍCIA NA TELA www.noticianatela.com.br
ANUNCIE AQUI!