ESTAMOS


TEMPORARIAMENTE
Em MANUTENÇÃO!

Enquanto não voltaremos ao normal você pode tá acessando nossas notícias e informações:

Notícia na Tela

Criança foi enterrada como morta, mas visão de um pastor levou a família a desenterra-la, viva. Assista o vídeo

Por Notícia na Tela
26 de março de 2021 18:01 Comentários
Após ser enterrada criança ressuscita em Itaetê na Bahia. Familiares relataram que a criança foi desenterrada viva após ter sido dada como morta por médico do Hospital de Itaetê no estado da Bahia. Notícias Cariri Online em 26/03/2021 as 00:11 Um caso curioso gerou enorme comoção em uma cidade da Chapada Diamântina na Bahia.

Ontem 25/03/2021 vídeo foi divulgado nas redes sociais, mostrando familiares de uma criança que havia morrido devido um mal-estar e convulsões. Pastor evangélico ligou para a família e avisou “que Deus teria mostrado a ele que menina tinha sido enterrada viva”. Em diversos áudios que acompanham o vídeo, pessoas relatam que o pastor ligou para a família pedindo para eles entrarem em oração e desenterrar a criança que ela estava viva. ENTENDAM O CASO:

Segundo relatos de populares, os pais da menina procuraram o hospital na madrugada de ontem (25) após a criança ter passado mal e, supostamente, o médico que estava de plantão “não teria dado a devida atenção ao caso. O médico informou aos acompanhantes que a menina teve uma crise convulsiva que resultou no óbito”. Mesmo angustiados com a morte precoce da criança, os familiares buscaram as providências para o velório, mas o que ninguém esperava é que ela estivesse viva.

Os parentes da criança são evangélicos e um pastor, de nome não identificado, ligou para os familiares contando que havia tido uma visão na qual a menina estaria viva. Acreditando na palavra do pastor, os pais, parentes e vizinhos tiveram a iniciativa de desenterrar o caixão com o corpo da criança. “Ao desenterrar a menina uma enfermeira verificou os sinais vitais, e não deu nada. Só que o corpo estava quente e não tinha sinais. Ela foi levada para a casa dos avós e fizeram uma roda de oração e a menina mexeu o olho e apertou a mão de alguém”, relata outro popular em um áudio que está sendo compartilhado na região. Em vídeo compartilhado nas redes sociais é possível ver o desespero da família com o pequeno caixão nos braços correndo em busca de socorro. Um outro áudio também foi enviado à nossa redação confirmando o caso. “Conversei com minha prima agora. Tiraram a criança do caixão, a criança está deitada no sofá, a criança está apertando a mão das pessoas, as pessoas seguraram na mão da criança ela aperta, o coraçãozinho da criança está batendo, as vezes para e as vezes volta e a situação é uma coisa que nunca aconteceu antes. Está todo mundo confuso, ninguém sabe o que está acontecendo, essas informações são de agora, acabei de conversar com minha prima, ela está lá”, relata uma moradora. Em outra fonte, uma moradora da região relatou que a partir de informações da tia da menina, a criança foi levada no final da tarde desta ultima quinta-feira para o hospital de Mucugê. A família afirmou que apesar da criança está desacordada, o coração segue batendo. Informações do Noticias cariri online

 

Na segunda avaliação 

A família, então, levou a garota para o funeral. Porém, de madrugada, os parentes voltaram a procurar a unidade de saúde a família, informando que o pastor tinha tido uma revelação e que disse a eles que a criança estaria viva.

Os profissionais do posto informaram que a menina não tinha sinais vitais. Os familiares insistiram, levando o corpo para o hospital. Lá foi feita uma nova avaliação que confirmou a morte pela segunda vez.

A Polícia Civil informou que recebeu relatos dos familiares de que a criança teria se movido durante o velório. A ocorrência foi registrada na Delegacia Territorial de Itaberaba, mas será investigada na unidade de Itaetê, onde aconteceu a "revelação" do pastor.


Disse ainda que, como a causa da morte da garota não estava definida no laudo, expediu as guias para a perícia, que vai definir o motivo do óbito. Informações do Correio.
NOTÍCIA NA TELA www.noticianatela.com.br