ESTAMOS


TEMPORARIAMENTE
Em MANUTENÇÃO!

Enquanto não voltaremos ao normal você pode tá acessando nossas notícias e informações:

Notícia na Tela

Dígitro: Se a Justiça quebrar o seu sigilo, não adianta apagar o celular

Por Notícia na Tela
20 de outubro de 2021 18:52 Comentários
Como divulgado, agora não é mais necessário prender fisicamente os celulares durante investigações para que se tenha acessa aos dados neles disponíveis. Não importa pelo o que o suspeito está sendo acusado, se houver a autorização da justiça, o aplicativo Guardião pode entrar em ação, emitindo uma ordem de quebra de sigilo dos celulares, tanto à Google, como à Apple. Depois disso, todos os dados do dispositivo do suspeito ficam disponíveis. Fotos, arquivos e vídeo.

A empresa responsável pelo software, é a Dígitro, de Santa Catarina. E ainda segundo a Abril, em poucas horas, o aplicativo carrega os dados do celular dos investigados, ação que pode ser feita até mesmo a distância, além disso, o Guardião tem acesso até mesmo a localização dos dispositivos, estando o GPS ligado ou desligado.

Segundo o diretor responsável pelo software, todas as mensagens recebidas e enviadas pelos celulares, mesmo depois de apagadas ficam armazenadas no lixo eletrônico nacional, sendo assim, elas podem ser adquiridas durantes as investigações.

O Guardião, já ajudou nas investigações de assaltos que aconteceram no Banco do Brasil, em Criciúma no fim do ano passado. Os principais clientes da empresa, são as polícias e o ministério público.  A empresa fatura cerca de 100 milhões de reais por ano, concluiu a Abril.
Via, Livre Noticias
NOTÍCIA NA TELA www.noticianatela.com.br